quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Fora de moda

Há horas queria escrever este post.


Há alguns anos atrás o cigarro estava em alta, na moda mesmo, e em todo o lugar que a
gente fosse, mesmo que não gostássemos do vício, lá havia alguém com um cigarro na mão, na boca, mas de uns tempos para cá, pelo menos aqui em Pelotas, o povo conscientizou-se ou esta foi a minha impressão.
Será?
Hoje vejo poucas pessoas fumando
, pouquíssimas!
Que bom!
Maravilha!
Faz mal para saúde e somente aqueles que querem abreviar a vida continuam fumando. Quando vejo uma mulher fumando, penso, esta está fora de moda, é a exceção, e cada vez menos vejo estas mulheres.
Eu odeio cigarro, sempre odiei, nunca fumei.

O cheiro do cigarro sempre me fez mal.
Meu pai fumou, meu irmão fumou, meus primos, familiares, amigos, pode-se dizer que por um tempo fui um fumante passivo, contra a vontade.
Lembro de uma aula que tive na Administração de Empresas, doze alunos e um professor, eu era um dos alunos, o único não fumante.
Simplesmente eu me levantei, deixei o meu material sobre a mesa, e saí de aula tamanha a fumaceira, numa época que não havia lei nenhuma, e faltava bom-senso das pessoas.
Meu pai parou de fumar, meu irmão também, e um dos primos jurou que aos 40 anos parava, e parou no dia do aniversário.
Sorte que hoje o ar está mais limpo, e as pessoas mais conscientes, a respeito da própria vida, e do mal que aquela droga causa, e lamento os poucos otários que ainda insistem em abrir os braços e correrem de encontro à morte.

Pela vida!
Pela saúde!

Nos dias de hoje, saúde é tudo!

6 comentários:

Guilherme Palma disse...

eu fumei dos 16 aos 24
já são 5 anos de la pra ca

ViviS disse...

bah, tenho pavor do cheiro do cigarro, ninguém merece...

Lily Ribeiro disse...

baah e eu ainda tenho asma, é horrível quando tem alguém fumando...
em Pelotas eu comprovo, mal vejo gente fumar qdo eu vô aí, mas aqui em Canoas (onde eu moro) e em POA ainda, infelizmente, tem bastante gente.

brasildobem disse...

Pois é Mauro, infelizmente sou fumante, tenho até vergonha de dizer isso, mas como vc. falou sou da geração que fumar era o máximo e aí pra bancar a moderna, a liberdade, comecei na brincadeira e me dei mal, porque acabei me viciando. Ainda bem que surgiu essa lei, pois assim eu tomo vergonha na cara e pelo menos, só fumo em casa.
Bjs.
Janeisa

Denise disse...

Eu fumei por alguns anos, e prei há 2. Realmente lembro quando estudava, era um nhaca na sala... Mesmo sendo fumante, nunca concordei com essas atitudes..
bjsss

Gremista Fanático disse...

Muito bom o assunto Mauro, eu sou um ex-fumante, começei a fumar aos 13 anos de idade e viciei de vez aos 15, fumei ate poucos dias antes de minha filha nascer e parei por que não queria chegar perto de minha filha com esse cheiro horroso de cigarro, fumei por 12 anos e lá se vão já quase 3 anos que parei, talvez sirva de motivação para alguem que queira parar de fumar, não é tão dificil como parece parar de fumar, pelo menos pra mim não foi, abraço.

Template

S empre é bom mudar a cara do blog de tempos em tempos, mas achei que os templates novos, aparentemente, do Blogger, fossem manter a aparên...