quarta-feira, 27 de novembro de 2013

27.11

Desvendando o Pinterest, tentando, para poder compartilhar outras fotos no Tumblr, mas cansado também um pouco de tudo aqui na internet, e tem vezes que fico parado na frente da tela ou acabo desligando o computador, como ontem, e indo atrás de uma outra programação, tv, leitura, música, enfim.
É isto!

domingo, 24 de novembro de 2013

Falando de futebol

E o Grêmio sempre tropeçando nas pernas dos lanternas, não importa a praça que vá jogar, nem com quem, mas quando precisa fazer o resultado, complica-se mais uma vez.
Muito também pela cabeça do seu treinador por ter adotado uma retranca daquelas.
Atualmente complicando-se com todo o adversário, esta é a verdade, salvo exceções e por individualidades do elenco, e olhe lá.
Sobre o técnico não fez um grande campeonato, não mesmo, mas caiu o esquema pra ele, pelas impossibilidades de formar a equipe, e aos trancos e barrancos, e muito medo de atacar deu um passo por vez, mas podia ter ido mais além se tivesse a coragem e a vontade de vencer.
Não foi o Grêmio imortal de outras épocas e campeonatos, um time com camisa e muitas conquistas, foi um time sem vontade de atacar, isto com três centroavantes, imagina, um que deixou os gols no passado, esqueceu em alguns lugares os seus feitos e veio prometendo muitos gols, outro que sempre mostrou vontade, aguerrido, mas que depois que saiu do departamento médico não rendeu mais o que o trouxe para o tricolor, e o atacante do momento, e também da seleção chilena, este sim, e até ali, e se os gols são marcados pelo ataque, coisa rara em 2013 numa equipe retranqueira, lá está o nome do Vargas.
Imagina o Renato em 1983, um ponta agudo recebendo a ordem de recuar, recuaria?
Pois é o que ele vem fazendo ao Grêmio em 2013, um paredão, preocupando-se só com a defesa, mas sem vontade de ir além, de buscar o gol, aquela lenga-lenga que assusta o torcedor jogo após jogo.
Não dá!
Como não deu com o Zé Roberto tendo que aturar um banco, nem com a torcida gritando pelo seu nome em jogos que decidiam muito, e o todo poderoso do treinador mantendo-o no banco, e pra finalizar, Maxi Rodrigues, quando a torcida, a imprensa perguntava a Renato se começaria o próximo jogo, a resposta que dava é que não estava pronto, e que renderia melhor no banco entrando no meio do jogo mesmo tendo encantado a todos com seus dois gols de placa contra o Flamengo.
Desapontei-me com o Renato 2013, nada a ver com o de 2010, era aquele que eu queria de volta, mas que acho que ficou no tempo.
Eu que sempre pedi pelo seu nome, que sempre torci por ele, mas como torcedor gostaria de vê-lo longe da Arena Grêmio em 2014.
Quando terminou o jogo Grêmio X Corinthians, acho que pela Copa do Brasil, meu coração estava acelerado, mas com um joguinho assim imposto pelo treinador ao montar sua equipe, e o medo de levar gols, jogando por esquemas, não dá. Não dá mesmo!
O Grêmio é superior a isto.
Que em 2014 quem o treinar que seja corajoso para levar o Grêmio a grandes conquistas, como no passado, atacando sempre, porque o futebol tem um nome, GOL, jamais retranca. 
Quem não sabe disso e ganha, ganha por acaso, e para mim o Grêmio 2013 foi um misto disto, uma pena.

Eu Internauta

Estou sempre reblogando, termo usado no Tumblr, o equivalente a compartilhar, no meu blog de momento, o Eu Internauta, conta que abri em 2012, e que depois de ter aprendido não parei mais. 
Venham me visitar!
São fotos muito lindas e de todos os lugares do mundo assim como fotos pessoais.
Gostando muito do programa.
Convido vocês a visitarem, e se gostarem criarem uma conta lá.

Meu endereço é este:


quinta-feira, 21 de novembro de 2013

De Harlan Coben

Terminei meu livro Cilada, e gostei muito, um livro que a cada capítulo me mantinha ligado, não conseguia parar e fui até quase o final, às 3h da manhã de hoje, terminando agora de manhã.

Sinopse

Haley McWaid tem 17 anos. É aluna exemplar, disciplinada, ama esportes e sonha entrar para uma boa faculdade. Por isso, quando certa noite ela não volta para casa e três meses transcorrem sem que se tenha nenhuma notícia dela, todos na cidade começam a imaginar o pior. O assistente social Dan Mercer recebe um estranho telefonema de uma adolescente e vai a seu encontro. Ao chegar ao local, ele é surpreendido pela equipe de um programa de televisão, que o exibe em rede nacional como pedófilo. Inocentado por falta de provas, Dan é morto logo em seguida. Na junção dessas duas histórias está Wendy Tynes, a repórter que armou a cilada para Dan e que se torna a única testemunha de seu assassinato. Wendy sempre confiou apenas nos fatos, mas seu instinto lhe diz que Mercer talvez não fosse culpado. Agora ela precisa descobrir se desmascarou um criminoso ou causou a morte de um inocente. Nas investigações da morte de Dan e do desaparecimento de Haley, verdades inimagináveis são reveladas e a fragilidade de vidas aparentemente normais é posta à prova. Todos têm algo a esconder e os segredos se interligam e se completam em um elaborado mosaico de mistérios. Harlan Coben mais uma vez deixa o leitor sem ar. Cilada fala de culpa, luto e perdão em uma trama repleta de reviravoltas surpreendentes. Nada é o que parece e tudo pode ser desfeito até a última página. 

Resenha, aqui.
 

terça-feira, 19 de novembro de 2013

Cilada

No Shopping Pelotas adquiri meu terceiro livro - os dois primeiros foram na Feita do Livro, A Culpa é das Estrelas (John Green) e As Luzes de Setembro (Carlos Ruiz Zafón) - e este, Cilada (Harlan Coben) na Livraria Vanguarda, livraria que está um show.
Ainda não comecei a ler.

Falando de fotografia

Quanto a proibição de fotografar aqui e ali, acho uma idiotice, sinceramente, com restrições ou não, mesmo que tenha sido liberado no shopping, ficou um quê que moderasse.
Moderar por quê?
Quer dizer, se for um profissional pode fotografar à vontade, mas se for pessoal, e eu fui, mesmo liberando, modere.
Nada contra o shopping, e não é apenas do shopping que eu falo.
Conheço muitas pessoas, familiares ou não, que impõe obstáculos quanto eu vou fotografar o ambiente com eles, à execeção dos aniversários, e olhe lá, e que quando estão com outras pessoas aparecem na boa, justo eu que quando fotografo em público, acontece, tenho meus pânicos, mas acontece, ao usar aquelas fotos coloco filtros para não aparecer os rostos alheios.
Com certeza eu fotografando-os vão perder o espírito deles, não é?
Chega a dar raiva.

Outro assunto, o meu mouse foi pro espaço, está uma loteria, e tenho que comprar um novo urgentemente, pra ontem.

Leiam o post anterior e deixem suas observações.

Shopping Pelotas

Estive lá, eu e minha mãe.
É um lugar pra lá de lindo, amplo e tem cara de shopping mesmo. Até que enfim Pelotas tem um shopping shopping.
Descontente apenas com as fotos que eu fiz.
Como não gosto de fotografar em público pelo já explicado em outros posts, fui muito cedo, e o shopping estava muito vazio, nem vou postar as fotos. Tenho certeza que com mais movimento ficaria outra coisa, mas eu não fotografaria assim, como vem ocorrendo aos sábados e domingos que lota, quem vem ônibus de excursões até de outras cidades para conhecê-lo, mas num dia assim deve ficar ruim pra todo mundo.
Sobre fotografar no shopping, um grupo de seguranças permitiu, desde que fotografia pessoal, nada de vitrines ou pessoas, já o outro grupo de seguranças consultou a administração, então não é tão livre assim, mas após liberado eu fiz as minhas fotos.
Queria deixar uma ou duas fotos da decoração natalina, mas o Blogger ou minha conexão estão lentos, então ficam apenas as minhas observações.
Dentro do shopping, na praça de alimentação, conversei com um fotógrafo de um jornal da cidade, falei sobre meus problemas com minhas câmeras, e perguntei se havia curso de fotografia aqui na cidade. Ele disse que sim, que um colega dele ministra cursos de poucos dias para turmas, e claro que eu me interessei, assim sendo posso fazer melhores fotos e conhecer mais o que minha câmera me oferece, porque eu só sei clicar, pouco para quem tem uma câmera semi-profissional.
Quem for de Pelotas e região, venha visitar o Shopping Pelotas, vai valer a pena.

sábado, 16 de novembro de 2013

1600

Alcancei a marca de 1600 filmes vistos no Filmow, o último, hoje, João e Maria - Caçadores de Bruxas, um bom filme.
Visitem meu perfil e vejam o que eu já vi.
Abraços e bom domingo! 

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

As fotos do Tumblr

Estou no Tumblr, programa de vários tipos de posts, gosto mais das postagens com fotos e percebo que tem muita gente que tira fotos fantásticas, e que há muito lugar lindo nesse mundo.
No momento é o meu programa da moda.

Adoro posts com barcos, caminhos entre a natureza, pontes sobre lagos, em praças, parques, passarelas... para pessoas, mas tem muita gente que adora postar bebidas alcoólicas, cigarros, armas, sangue, sexo explícito.
Quanto a esses, sem comentários.

Curto fotos com carros, mulheres lindas, sensuais, livros, casas, objetos, tenho os meus gostos, sou simpatizante de outros, mas tem coisas que evito reblogar.

Não sou surfista e tenho medo do mar, mas adoro vê-los sobre as ondas, quando estou na praia ou mesmo diante de fotos aqui na internet, mas quanto ao skate, eu evito reblogar qualquer foto. Não gosto desse esporte, e ponto. Tenho minhas razões.

Também não venho mais postando fotos, em programa nenhum, que mostre a bandeira dos E.U.A., pelos últimos acontecimentos ao mundo como o lance da espionagem.
Demais, não é?

Estava muito para o Instagram, mas no momento que cessaram minhas fotos, não venho saindo para outras, fui em busca de um outro programa, e aprendi a usar o Tumblr, fácil demais.
Quem tem e usa o Tumblr?

Visitem meu blog:
 

As Luzes de Setembro

Estive na Feira do Livro, pela segunda vez nesse 13/11, para comprar um outro livro, fui sem saber qual, mas procurando daqui e dali acho que dei sorte, muito sorte. 
Comprei o livro As Luzes de Setembro, já mencionado no post anterior.
Um suspense muito bom, fantasia quem sabe, mas o certo é que em apenas dois dias acabei essa leitura fantástica.
Se aceitarem um livro como dica, indico esse, As Luzes de Setembro.
Não sei escrever resenhas, sinopses, etc, mas fui no Skoob, rede social para livros, e busquei nele a sinopse desse magnífico livro.
Uma leitura e tanto, ou para mim foi.

Sinopse:

"Durante o verão de 1937, Simone Sauvelle fica de repente viúva e abandona Paris junto com os filhos, Irene e Dorian. Eles se mudam para uma cidadezinha no litoral da Normandia, e Simone começa a trabalhar como governanta para Lazarus Jann, um fabricante de brinquedos que mora na mansão Cravenmoore com a esposa doente. Tudo parece caminhar bem. Lazarus demonstra ser um homem agradável, trata com consideração Simone e os filhos, a quem mostra os estranhos seres mecânicos quecriou: objetos tão bem-feitos que parecem poder se mover por conta própria. Irene fica encantada com a beleza do lugar – os despenhadeiros imensos, o mar e os portos – e por Ismael, o pescador primo de Hannah, cozinheira da casa. Ismael tem um barco, entende tudo sobre navegação e gosta de velejar sozinho, até conhecer Irene e vê-la de maiô... Os dois logo se apaixonam. Entre Simone e Lazarus parece nascer uma amizade. Dorian gosta de ler e, muito curioso, quer entender como os bonecos de Lazarus funcionam. Todos estão animados com a nova vida quando acontecimentos macabros e estranhas aparições perturbam a harmonia de Cravenmoore: Hannah é encontrada morta, e uma sombra misteriosa toma conta da propriedade. Irene e Ismael desvendam o segredo da espetacular mansão repleta de seres mecânicos e sombras do passado. Juntos enfrentam o medo e investigam estranhas luzes que brilham através da névoa em torno do farol de uma ilha. Os moradores do lugar falam sobre uma criatura de pesadelo que se esconde nas profundezas da floresta. Em As luzes de setembro, aquele mágico verão na Baía Azul será para sempre a aventura mais emocionante de suas vidas, num labirinto de amor, luzes e sombras."

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Drama, família e um certo suspense

O título deste post é o que procuro nos livros que eu leio, leituras que incluam estes três aspectos, e li bons livros como Mais Que Amigos, O Peso do Silêncio, Não Conte A Ninguém, A Culpa É Das Estrelas, Preces e Mentiras e Uma Mulher Traída
Então que a Feira do Livro continua aqui em Pelotas e que eu quero comprar um outro livro que tenha esse trio de assuntos, drama familiar e com um certo suspense.
Saberiam indicar algum?

Acabei comprando um livro, que ainda não comecei a ler e com um certo suspense, e só. O nome do livro é As Luzes de Setembro, de Carlos Ruiz Zafón, editora Suma.
Vamos ver!

sábado, 9 de novembro de 2013

Lido

Acabei de ler o livro A Culpa É Das Estrelas, e gostei.
Comprei-o na Feira do Livro, quarta, 06/11, e fui mesmo começar no dia seguinte antes de ir para a fisioterapia, e acabei hoje.
Como não sei fazer resenhas, sugiro que procurem no Google ou no Skoob ou em algum blog.
Agora quero outro livro para ler, mais um livro, quem sabe, com os três aspectos que gosto e quero numa leitura: drama, família e suspense.
Feito o registro de minha leitura.

Abraços a todos e boa noite!

sexta-feira, 8 de novembro de 2013

Rotina e medo

Eu estava usando muito o Instagram, e agora depois da Feira do Livro, onde comprei A Culpa É Das Estrelas, me divido entre ler o livro e usar o Tumblr, já que o Facebook e outras redes sociais onde tenho que escrever, ou não, ficaram pelo caminho, e vou nelas vez que outra já que não sei me afastar da internet.
Ainda não fui no Shopping Pelotas, tudo pela fotografia, meu medo de fotografar em público, não fosse isso viveria com a câmera pendurada e clicando pra todo lado, mas explica isto, não é? Simplesmente não há explicação.
E se não fosse a associação com o "ter que fotografar" um lugar novo, bonito, eu já teria entrado no shopping, mas ir num lugar assim, lindo, que daria e dará boas fotos, e não levar a câmera pelas minhas preocupações infundadas faz com que eu adie minha "inauguração" àquele belo centro, mas ela acontecerá e eu contarei aqui.

sábado, 2 de novembro de 2013

Eu Internauta

Eu no Tumblr, pois no momento, com certeza, mais fácil que escrever é reblogar, e venho também seguindo outros sites, e até ali, conhecendo outras pessoas e o que postam.


Enquanto novas fotos não são clicadas por mim, deixo o Instagram um pouco de lado e vou nele apenas para conferir quem curtiu, comentou e quem entrou para que eu possa seguir.
Tudo é fase!

Template

S empre é bom mudar a cara do blog de tempos em tempos, mas achei que os templates novos, aparentemente, do Blogger, fossem manter a aparên...