quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Chuva e vento

A chuvarada que caiu por estes dias foi de assustar, sem tréguas, e agora o vento interminável que destelhou muitas casas, derrubou árvores e postes, e entortou armações metálicas, mas que loucura é esta?
Sei que setembro é o mês dos ventos e chuvas, mas não precisa chegar aos extremos, e aqui tem sido assim, sempre no limite, e quem sempre sai prejudicado é o povo, muitos que perdem tudo, que ficam desabrigados.
Será um recado da natureza para os homens?
Realmente fico chocado com estes acontecimentos.
Se precisamos de chuva, e ela vem, quando vem, traz junto a enchente e os problemas que muitos enfrentam, se do sol, vem o tempo de lascar, as secas, e pergunto, por que temos que pagar assim?

Outro assunto...

Venho comentando no blog de alguns amigos, e entre ontem e hoje visitei como antigamente, de blog em blog, e não foram poucos, e acabei recebendo apenas um comentário.
Assim também não!

Sei que também deixei de lado o de vocês, tenho os meus motivos, já explicados, e mais de uma vez, não sei o de vocês, mas depois de uma visita minha que retornem o meu comentário, e aqui no meu blog.
Sou contra respostas no próprio blog, já escrevi isto, não sei se comentaram por aí, mas o meu blog é aqui, tem nome, chama-se Koisas e Coisas, e sigo postando, não estou nos domínios de vocês, mas no meu.
Dado o recado!

Nem tinha vontade de postar hoje, mas o vento, as chuvas, as diferenças de temperaturas me trouxeram até aqui, e acabei deixando mais algumas palavras.

Abraços a vocês, e por dias melhores para nós, ah, e chega desse tempo maluco, que venha o sol, o tempo bom e a paz!




Um comentário:

Carla Fernanda disse...

Amigo querido!!!!
Tudo tem um motivo, uma razão e uma consequência, portanto a chuva faz poarte diiso.

Beijos e boa noite!!!

:))))

Template

S empre é bom mudar a cara do blog de tempos em tempos, mas achei que os templates novos, aparentemente, do Blogger, fossem manter a aparên...