quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Decibéis

Infelizmente os órgãos públicos ou alguns órgãos públicos de algumas cidades, sendo bem específico, a Secretaria de Cultura de Rio Grande/RS não tem nem bom senso nem respeito com a vida alheia, só por estarem na praia montam um palco na frente de um edifício, o meu, e fazem shows acima dos decibéis permitidos ignorando a maior parte de idosos deste prédio, e de outros da redondeza que não tem a opção de fecharem a porta para não ouvirem o barulho imposto pelos péssimos shows em locais errôneos, principalmente o desta quinta, 27/01.
Uma lástima!
E reccori a polícia, mas nada fizeram, então vamos mesmo ter que recorrer a setores mais acima da lei, e mostrarmos que temos que ser respeitados sim e não aguentar calados esta irresponsabilidade de um setor que deveria existir para ouvir a todos, e não criar badernas na frente da casa dos outros.
Veraneio aqui há mais de 50 anos, para quem quiser saber, e por serem "da prefeitura" se acham no direito de passar por cima de cidadãos honestos e que pagam seus impostos.
Estou puto da cara com todos eles, com palavrão sim.
Chega de tanta prepotência.
Eles que vão fazer show em área aberta, o que tem de sobra por aqui ou na frente da casa deles ou dos responsáveis que estão por trás disto tudo.
Não sou de fazer post com palavrões e agressões, mas chega uma hora que ninguém aguenta, e quando chamamos as autoridades ainda ouvimos "que nada podem fazer, porque é da prefeitura".

Não sou de fazer post com palavrões e agressões, mas chega uma hora que ninguém aguenta!

Esta é a minha praia, e continuarei aqui, mas vou lutar pelo meu espaço e meu bem estar.
Se incomoda a mim e outros, incomoda, e basta!

Aqui a partir das 19h, a palavra respeito é retirada do dicionário e tudo vira um inferno, que zueira, só porque quem tem a licença é a prefeitura e eles esquecem o bom senso.

Comentário que fiz em um blog, mas que diz tudo!

Um aparte, entrei em contato hoje com a Vivo 3G, a conexão cai muito, motivo que evito comentar, uso apenas Facebook, por ora enquanto estiver tentando, ficarei assim.
Como indicar a Vivo se não consigo navegar como o verão passado, que voava?
Difícil, não é?

Estou aqui no meu quarto, e o som pesado, metal lá da frente, da rua, é ensurdecedor, isto que meu quarto fica no fundo do apartamento, que tem uma sala de nove metros.
Se as autoridades não fazem por nós, quem fará?

2 comentários:

Elaine Barnes disse...

Não tolero barulho. Graças a Deus moro em uma rua quieta até demais. É tão caro um espaço né? Precisamos do nosso cantinho de sossego. Temos que lutar pelo mínimo de respeito mesmo pra diminuir o estress. Montão de bjs e abraços

Guilherme Palma disse...

revoltante

Template

S empre é bom mudar a cara do blog de tempos em tempos, mas achei que os templates novos, aparentemente, do Blogger, fossem manter a aparên...